Home 
24/06/2020 às 14h48
Homem é suspeito de matar esposa asfixiada na zona rural de São Miguel do Tapuio

A vítima foi encontrada sem vida dentro de casa e com um pano na boca.

Da Redação | Valter Lima

Uma dona de casa identificada por Lia Vanessa Araújo Chaves, de 37 anos, foi encontrada sem vida na madrugada desta quarta-feira, 24 de junho, na localidade Lagoa dos Campelos, zona rural do Município de São Miguel do Tapuio, no Piauí, região Centro-Norte do estado.

O acusado do crime é o próprio esposo da vítima, Antonio Fagner de Sousa, de 37 anos de idade, que convivia com a mesma na residência. Lia foi encontrada com um pano na boca, provavelmente morta por asfixia, conforme entendimento preliminar da policia local. A vítima  deixa três filhos menores. O acusado fugiu da região  após o crime.

De acordo com o Comandante da 15º Companhia de Polícia de São Miguel do Tapuio, Capitão João da Cruz, a informação do crime somente chegou ao conhecimento da Cia neste manhã de quarta-feira (24). Mas que as medidas de diligencias policiais estão sendo  efetuadas, no caso.

Quem souber informações do paradeiro do acusado, entrar em contato com a polícia- pelos números: (86) 9945-3310 ou 3247-1401. 

Feminicídio

Feminicídio (ou femicídio) é um termo que junta as palavras “feminino” e “homicídio” e se refere aos assassinatos de mulheres cuja causa é o gênero – feminino – da pessoa assassinada. Ele é enquadrado dentro das categorias de crimes de ódio e como ato de misoginia. O feminicídio é um enquadramento recente da jurisprudência brasileira (2015) e visa não acobertar as qualidades dos crimes de ódio juntando o mesmo com outros tipos de homicídio.

Foto:Divulgação 

P U B L I C I D A D E


Link
Comentar pelo facebook:

Notícias relacionadas