Home 
21/03/2020 às 20h33
Decreto fecha bares em São Miguel do Tapuio, PI, e polícia manterá a determinação

A resolução do Governo do Estado (18.901, de 19 de março 2020) determina as medidas excepcionais voltadas para o enfretamento da grave crise de saúde pública decorrente do Covid-19.

Da Redação | Valter Lima

De acordo com o Capitão/PM, João da Cruz Aragão, Comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar de São Miguel do Tapuio, no Piauí, conforme o decreto Nº 18.901, de 19 de março de 2020, de autoria do Governo do Estado, fica suspensa, por tempo indeterminado, as atividades em bares em todo o Piauí.

A resolução do Governo do Estado (18.901, de 19 de março 2020) determina as medidas excepcionais voltadas para o enfretamento da grave crise de saúde pública decorrente do Covid-19.

Dessa forma, conforme a autoridade policial, a determinação superior deve ser cumprida e a policia cumprir a ordem realizando os trabalhos cabíveis. “Pedimos a compreensão de todos nesse momento de emergência em saúde pública, que possamos evitar aglomeração nesses pontos (bares). A ordem deve ser cumprida , sob pena de haver crime de desobediência” – frisou Cruz/PM.

Desde a meia-noite deste sábado (21), que passou a vigorar o Decreto do Governo do Estado com medidas excepcionais para o enfrentamento da crise de saúde pública em decorrência da pandemia da Covid-19, declarada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

De acordo com a resolução, ficam suspensas no Piauí todas as atividades em bares, restaurantes, cinemas, clubes, academias, casas de espetáculo e clínicas de estética, além de atividades de saúde bucal/odontológica, públicas e privadas, exceto aquelas relacionadas aos atendimentos de urgência e emergência. Eventos esportivos também estão suspensos, bem como as atividades comerciais em shopping centers.

O decreto determina ainda o controle de fluxo de pessoas nas divisas do Estado. Ainda segundo o documento, os órgãos envolvidos no controle de fluxo de pessoas deverão solicitar a colaboração da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.

Veja decreto:

P U B L I C I D A D E

 

 


Link
Comentar pelo facebook:

Notícias relacionadas