Home 
05/02/2019 às 12h51
Educação de Assunção do Piauí inicia ações do Programa Busca Ativa Escolar

O programa faz parte da iniciativa global Fora da Escola Não Pode, do Unicef.

Da Redação

A Prefeitura de Assunção do Piauí fez a adesão à plataforma Busca Ativa Escolar, por  meio da Secretaria Municipal da Educação,  para ampliar  o resgate a crianças e jovens fora da escola em solo  assunçãoense ,  fortalecendo , dessa forma,  o combate ao abandono escolar na Rede Municipal de Ensino, programa criado pelo  Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas) e o Instituto TIM.

As ações diretas do Busca Ativa Escolar no município de Assunção do Piauí iniciaram na manhã  desta terça-feira (5), com abertura oficial solene e atividades   na identificação de crianças e adolescentes de 4 a 17 anos que estão fora da escola ou em risco de evasão.

Previamente, a Secretaria da Educação de Assunção do Piauí realizou Encontro de Formação Intersetorial da Busca Ativa Escolar para a apresentação da metodologia social e da ferramenta tecnológica.

A programação de hoje (5)  contou com a presença da Secretária de Educação local, Antonia Alves, do Articulador do Selo Unicef, no município, Gilberto Farias, Coordenadores  Escolares e  Agentes de Saúde. Após abertura solene, os profissionais envolvidos começaram os trabalhos, de casa em casa, na sede do município, visando à identificação do público alvo do programa.

Essa ação, no município de Assunção do Piauí, faz parte das atividades que visam a conquista do Selo Unicef ,  iniciativa para melhorar as condições de vida das crianças e dos adolescentes.

Sobre o Busca Ativa Escolar

Projeto do Unicef em parceria com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), o Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas) e o Instituto TIM, o Busca Ativa Escolar é uma ferramenta gratuita para ajudar os municípios a combater a exclusão escolar.

A intenção é apoiar os governos na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão. Por meio do projeto, municípios e Estados terão dados concretos que possibilitarão planejar, desenvolver e implementar políticas públicas que contribuam para a inclusão escolar.

O projeto reúne representantes de diferentes áreas – Educação, Saúde, Assistência Social, Planejamento – dentro de uma mesma plataforma. Cada pessoa ou grupo tem um papel específico, que vai desde a identificação de uma criança ou adolescente fora da escola até a tomada das providências necessárias para a matrícula e a permanência do aluno na escola.

Fotos: Valter Lima/Tapuio Notícias

P U B L I C I D A D E


Link
Comentar pelo facebook:

Notícias relacionadas