Home 
17/09/2018 às 11h07
Presidente do TRE declara "tolerância zero" contra compra de votos no Piauí

O presidente demonstrou preocupação com a possibilidade das fake news (notícias falsas) interferirem no resultado das eleições.

cidadeverde

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Sebastião Ribeiro Martins, reuniu juízes eleitorais do Piauí para definir a atuação da Justiça nas eleições. O presidente demonstrou preocupação com a possibilidade das fake news (notícias falsas) interferirem no resultado das eleições. 

Foto: Luccas Araújo

"Essa questão das fake news é uma preocupação da Justiça Eleitoral. O ministro Luiz Fux (ex-presidente do TSE) foi o primeiro a manifestar preocupação com isso. A Justiça Eleitoral tem mecanismos para combater as fake news. É um fenômeno mundial. Ocorreu na França e Estados Unidos. É possivelmente ocorre aqui no Brasil. Não é justo que um candidato perca ou ganhe a eleição devido uma notícia falsa. Como cidadão e juiz eleitoral devemos preservar o direto à informação e o direito de ser bem informado. Eu como cidadão quero ser bem informado. As notícias falsas podem prejudicar um candidato e beneficiar outro", afirmou.

Sebastião Ribeiro Martins pediu aos juízes eleitorais tolerância zero á compra de votos. "Pedimos tolerância zero à compra de votos. Em toda eleição essa matéria é recorrente. O eleitor deve votar de forma livre e consciente. Não pode vender seu voto. O Tribunal quer assegurar o princípio da soberania popular. Que vença as eleições aquele que tenha a maioria. Se houver o abuso do poder econômico com a compra do voto, isso vai prejudicar a legitimidade das eleições", disse.

"Reunimos 82 juízes eleitorais de todo o Estado. É importante para darmos as últimas informações sobre as eleições. A logística das eleições, a geração de muda, os pontos de transmissão. Os técnicos repassam as informações para que possamos ter um pleito seguro", afirmou.

Na tarde de hoje, o Tribunal vai fazer uma reunião com todas as forças de segurança.

"O Piau é o Estado com mais forças federais. Mais da metade dos municípios terão forças federais. As 15 h iremos ouvir o general das forças do Piauí e Nordeste. Isso é importante para as eleições sejam limpas", disse.

P U B L I C I D A D E


Link
Comentar pelo facebook:

Notícias relacionadas