Home 
25/05/2016 às 09h55
Sem Neymar, Dunga espera que outras lideranças apareçam na Seleção

Dunga terá Neymar apenas nas Olimpíadas

Gazeta Esportiva

O técnico Dunga concedeu sua primeira entrevista coletiva nos Estados Unidos, onde a Seleção Brasileira se prepara a disputa da Copa América. A estreia brasileira será no dia 4 de junho, diante do Equador, às 23 horas (de Brasília), em Pasadena.

Sobre a ausência da principal estrela brasileira, o atacante Neymar, o comandante garantiu que é o momento de novos protagonistas surgirem na equipe nacional. “Todos podem ser protagonistas. Sempre achamos que o melhor é o atacante, o jogador do drible, mas vários têm condições de serem líderes”, opinou Dunga.

Ainda sobre o fato do camisa 11 do Barcelona não participar da competição, o técnico também afirmou que as lideranças podem não ser técnicas. “Sempre queremos os melhores, e vários já mostraram ter capacidade. Queremos líderes, e não é só quem grita, é quem orienta e relembra os demais atletas sobre o que fazer em campo”, esclareceu.

Apesar de ressaltar a importância de o grupo se fortalecer, Dunga deixou claro que o resultado também é importante. “Vamos jogar para ganhar, claro”, enfatizou. O comandante ainda relembrou que não será fácil: “Todas as seleções se motivam para enfrentar o Brasil, não tem jogo fácil”.

Além do Equador, a Seleção terá pela frente o Haiti, no dia 8, e o Peru, no dia 12. Os dois melhores de cada grupo avançam às quartas de final. Antes do início do torneio, o time brasileiro ainda disputa amistoso contra o Panamá, no próximo sábado, às 23 horas (de Brasília), em Denver.

P U B L I C I D A D E


Link
Comentar pelo facebook:

Notícias relacionadas